terça-feira, 30 de agosto de 2011

História do Brasil – 1946 -1964


Brasil – 1946 -1964

A Crise do populismo
Após a Segunda Guerra Mundial (1945) até 1964, o Brasil viveu um período democrático em que os presidentes foram eleitos com voto direto e secreto. Os principais partidos eram o PSD, o PTB e a UDN, Detalhe: a UDN era radicalmente antigetulista.

Depois de Dutra, Getúlio Vargas voltou à presidência. Mas seu governo viveu uma grande crise. Atacado por empresários, militares, pela grande imprensa e pela UDN, Vargas terminou seu governo suicidando-se.

No final da Segunda Guerra (1945) os militares afastaram Getúlio Vargas da presidência do Brasil. Estava encerrada a ditadura do Estado Novo. Em seguida aconteceram duas eleições muito importantes: para a Assembléia Constituinte e para presidente da República.
A Assembléia Constituinte contou com a participação até do Partido Comunista do Brasil (PCB). Os membros da Assembléia Constituinte elaboraram a Constituição de 1946, consi8derada, na época, a mais liberal que o Brasil havia tido. Ela estabelecia voto direto e secreto para presidente da República, embora os analfabetos ainda não pudessem votar. Os três poderes ficaram em equilíbrio, o que significava que o presidente da República teria que governar dialogando com o Congresso Nacional         (deputados e senadores). Agora os trabalhadores tinham o direito de fazer greve sem ir para a cadeia e a imprensa ganhou liberdade para criticar o governo.  

Os partidos políticos:

PSD – Partido Social-Democrático: Era formado por políticos conservadores ligados a Vargas. A maioria dos deputados, senadores e prefeitos do Brasil inteiro pertencia ao PSD, considerado o maior de todos os partidos. Sua força vinha do apoio de grandes empresários, principalmente os que enriqueceram atendendo as encomendas do governo no tempo do Estado Novo. No PSD também havia muitos políticos que foram nomeados por Getúlio como administradores na ditadura do Estado Novo.

PTB – Partido Trabalhista Brasileiro: Era considerado o herdeiro das idéias trabalhistas e nacionalistas de Vargas. Seus votos vinham principalmente das cidades, dos operários, e da classe média baixa dos subúrbios. Veneravam o “pai dos pobres”.
UDN – União Democrática Nacional: Era totalmente contrária ao getulismo. Ela defendia o liberalismo econômico, ou seja, que houvesse poucas empresas estatais e a mínima intervenção possível do governo na economia. A UDN era antinacionalista. Para ela o capital estrangeiro deveria ter total autonomia para investir e lucrar no Brasil, sem os limites impostos pelo governo brasileiro. Geralmente a UDN também era contra as leis trabalhistas. O maior representante da UDN era o jornalista, empresário e político carioca Carlos Lacerda.

PCB – Partido Comunista Brasileiro: Conquistou o direito de existir legalmente e de participar das eleições. Os comunistas chegaram a eleger senador Luís Carlos Prestes. Todavia em 1947 o presidente Eurico Gaspar Dutra ordenou o fechamento do PCB. Mais uma vez o partido voltava a ser clandestino (agia escondido da polícia)

Governo Eurico Gaspar Dutra: 1946 a 1950

·        Rompeu relações com as URSS
·        Fechou o PCB
·        No seu governo o Brasil foi inundado por uma enchente de produtos estrangeiros: automóveis, eletrodomésticos, perfumes, casacos de pele. Importaram-se até aparelhos de televisão numa época em que não havia nenhuma estação de TV transmitindo programas.
·        No final do seu governo a inflação alta engolia o salário mínimo – Trabalhadores agitados
·        As importações acabaram com as reservas de dinheiro conquistadas com as exportações, durante a Segunda Guerra Mundial – Desperdício.            

Governo Getúlio Vargas: 1951 a 1954

·        Governo Nacionalista (a favor das empresas brasileiras e contra as estrangeiras)
·        Medidas para favorecer os trabalhadores – aumento de 100% no salário mínimo – para assegurar o apoio popular.  
·        Fortalecimento da Petrobras, ferindo os interesses de empresas multinacionais como: Shell, Texaco e Esso, que queriam explorar o petróleo brasileiro
·        Situação difícil para Getúlio Vargas – Os patrões estavam irritados porque ele aumentou o salário mínimo, os empregados continuavam a fazer greves, pois mesmo com o aumento de salário mínimo a inflação fazia os preços subirem e a qualidade de vida diminuir progressivamente. As multinacionais estavam contra seu governo apoiadas pela UDN. 
·           Em 24/08/1954 comete suicídio.

Governo Juscelino Kubitschek: 1956 a 1960  

·        Tinha a intenção de fazer o Brasil crescer 50 anos em 5 – Implantação de indústrias no Brasil: automobilísticas principalmente.
·        Construção de Brasília – 21/04/1960
·        Dívida externa dobrou seu tamanho

Governo Jânio Quadros: Janeiro de 1961 a Agosto de 1961

·        Símbolo de sua campanha era uma vassoura com a qual pretendia varrer a corrupção.
·        Pretendia moralizar a sociedade
·        Restabeleceu relações diplomáticas com a URSS
·        Proibiu o uso do biquíni nas praias do Brasil
·        Proibiu briga de galos
·        Condecorou com uma medalha Che Guevara, o guerrilheiro argentino, herói da Revolução Cubana 
·        Acusado de comunista. Renunciou a presidência apontando “forças ocultas terríveis”.

Governo João Goulart: 1961 a 1964 (Jango)

·        Foi vice de Jânio Quadros 
·        Também era visto pelos grupos antigetulistas como comunista e por este motivo queriam impedir sua posse.  
·        Leonel Brizola, então governador do Rio Grande do Sul, liderou a Campanha da Legalidade que defendia o cumprimento da Constituição – O vice- presidente deveria assumir no caso do presidente renunciar. 
·        Foi aceito pela Assembléia embora num governo Parlamentarista
·        Levou o povo brasileiro as ruas para, através de um plebiscito, poder escolher se o Brasil deveria ser regido por um governo parlamentarista ou presidencialista
·        Apresentou um plano de reformas: eleitoral, agrária e educacional.
·        Um golpe militar derrubou Jango em 1964.    

Revolução Francesa - História

A Revolução Americana

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Brasil - Colônia (Parte 2)

Brasil - Colônia (Parte 1)

Historia da Colonização do Brasil

A MÃO DE OBRA DE AFRICANOS NO BRASIL -SÉC.XIX

Trabalho de Historia (primeira parte)

Hitler - Discurso Jgend - Legendado Portugues

Batalha de Stalingrado

Segunda Guerra Mundial

Joseph Stalin vs Adolf Hitler

Aula de Regimes Totalitários, Parte 1/2

Primeira Guerra Mundial (1914-1918)

História Holocausto

Trabalho de História - Fascismo & Nazismo -

terça-feira, 16 de agosto de 2011

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

DÚVIDAS

AMADOS ALUNOS: OS QUESTIONÁRIOS SERÃO RECOLHIDOS APÓS O ENCERRAMENTO DAS UNIDADES RESPECTIVAS. MARCAREI A DATA. DIVIRTAM-SE!!!